NOTÍCIA

04/08/2022

Ricardo Hiroshi renuncia ao Conselho e vice-direção da FEMA

O documento foi assinado hoje, um dia após o advogado ter presidido reunião da instituição.


Ricardo Hiroshi renuncia ao Conselho e vice-direção da FEMA

O advogado Ricardo Hiroshi, que na noite de quarta-feira, 03 de agosto, presidiu a reunião extraordinária realizada a pedido dos conselheiros da Fundação Educacional do Município de Assis, a FEMA, renunciou aos cargos de conselheiro e de vice-presidente do Conselho Curador da referida instituição universitária, assumidos em janeiro de 2021.

A renúncia, nesta quinta-feira, foi encaminhada ao Conselho de Curadores da FEMA, e protocolada com a data de amanhã, 05 de agosto.

O documento foi assinado um dia após o advogado ter presidido a reunião da instituição, de forma inesperada, haja vista que era programado que o presidente da FEMA, Arildo José de Almeida, e o diretor executivo, Eduardo Gonçalves Vela, investigados pela CPI da Câmara Municipal de Assis, prestariam seus esclarecimentos. Os dirigentes chegaram a ocupar a mesa diretora, porém, por conta de questão estatutária, tiveram de voltar às cadeiras. Hiroshi, por ser o então vice-presidente do Conselho Curador, conduziu a reunião. 

Hiroshi é um advogado atuante, de grande prestígio moral e social, e já esteve à frente da OAB/Assis, onde desenvolveu e colocou em prática vários projetos. 

No documento em que solicita o afastamento, ele agradece a oportunidade e deixa consignado que durante o pouco tempo em que ocupou a vice-presidência e participou da FEMA, como membro do Conselho Curador, aprendeu muito e leva a amizade que já desfrutava com alguns e que passou a desfrutar com outros.

Em sua justificativa da renúncia, Hiroshi cita que “diante de alguns ataques que sofremos, sem qualquer necessidade, porque nos dispusemos a apenas trabalhar para o bem comum, não nos sentimos mais confortáveis em participar de reuniões”.  

 

Redação e foto Abordagem Notícias


Compartilhe: