NOTÍCIA

22/09/2022

Júri cancelado em agosto é designado para 23 de novembro

O réu é Júlio César Ramires, as vítimas são Leandro (fatal) e Giulia (gravemente ferida).


Júri cancelado em agosto é designado para 23 de novembro

Estava programado para o dia 24 de agosto de 2002, o julgamento de Júlio César Ramires, que na madrugada de 13 de dezembro de 2020, aos 38 anos de idade, conduzia o veículo Fiat/Cronos Drive e causou um acidente no cruzamento das avenidas Rui Barbosa e Otto Ribeiro, em Assis, resultando na morte de Leandro Rosendo (18) e ferimentos graves em Giulia Sampaio - à época, com 17 anos de idade, respectivamente condutor e passageira da motocicleta violentamente atingida e arrastada pelo carro.

Era grande a expectativa de familiares e amigos das vítimas para assistirem ao júri, que voltou a ser aberto ao público, graças a um período mais tranquilo da pandemia. Contudo, devido a óbito na família do advogado de defesa, Paulo Celso Gonçales Galhardo, de Palmital, houve o cancelamento.

Segundo informações obtidas nesta quinta-feira, 22, no Fórum da Comarca de Assis, o julgamento foi designado para começar às 9 horas do dia 23 de novembro de 2022, sendo aberto ao público.

 

Redação Abordagem

Fotos divulgadas nas redes sociais

 


Compartilhe: