NOTÍCIA

11/01/2021

Inoar assina Pacto Global para reduzir a emissão de gases de efeito estufa

Até agora, 19 empresas nacionais e 38 estrangeiras com operação no Brasil assinaram esse compromisso


Inoar assina Pacto Global para reduzir a emissão de gases de efeito estufa

Acordo de Paris mobiliza empresas brasileiras por uma economia menos dependente de emissões de carbono e outros gases responsáveis por consequências climáticas nocivas.
Inocência Manoel, co-fundadora da Inoar Cosméticos, assinou o compromisso do Pacto Global para reduzir as emissões de gases de efeito estufa em sua fábrica. A mobilização do setor empresarial no combate às mudanças climáticas é essencial para o cumprimento do Acordo de Paris.

Em 2020, o Acordo de Paris completou 5 anos. Esse tratado global estabelece metas de redução de emissões de gases de efeito estufa, com o objetivo de conter o aumento da temperatura da Terra e seus efeitos nocivos para o clima.

O Brasil é o quinto maior emissor de gases de efeito estufa do planeta. Um relatório divulgado em novembro de 2020 (Observatório do Clima) revelou que, em 2019, as emissões registraram o maior aumento desde 2003.

Para Inocência Manoel, "é preciso estabelecer prioridades no cumprimento do desenvolvimento sustentável e por isso fiz questão de alinhar nossos compromissos com a proposta do Acordo de Paris."

Até agora, 19 empresas nacionais e 38 estrangeiras com operação no Brasil assinaram esse compromisso. No entanto, é necessário que mais empresas se engajem em gerar impacto positivo no planeta.

Sobre a Inoar

A Inoar Cosméticos traz em seu DNA a criação de produtos inspirados em vários perfis de pessoas e ideais de beleza. Além disso, a marca está conectada ao compromisso de contribuir para uma educação de respeito ao meio ambiente e ao desenvolvimento sustentável.
Fundada por Inocência Manoel e Alexandre Nascimento, em 2008, a empresa é referência no mercado nacional e internacional pela inovação, tecnologia e know-how que consagrou seus produtos dedicados a profissionais e consumidores finais.
 


Compartilhe: