NOTÍCIA

31/01/2020

Tarumã lança GPS Caipira e entrega da plantadeira

Ao todo, 200 residências terão seus endereços cadastrados no GPS Caipira.


Tarumã lança GPS Caipira e entrega da plantadeira

A Prefeitura Municipal de Tarumã realizará na segunda-feira, dia 3 de fevereiro de 2020, na Associação Comunitária do Centro Rural de Tarumã (ACRUTA) às 18h30, o lançamento do GPS Caipira e a entrega de uma plantadeira para o suporte do pequeno produtor agrícola.

O "GPS Caipira", também conhecido como georreferenciamento, é a nova aposta dos agricultores de Tarumã para diminuir a criminalidade e facilitar o acesso às propriedades na zona rural. Da mesma maneira que funciona o mapeamento feito por GPS e aplicativos como o Waze ou Google Maps, o GPS Caipira registra todos os caminhos que levam até as propriedades rurais da região. Este serviço foi originalmente criado por agricultores de Assis e atualmente  já existe em outras regiões do Estado de São Paulo, com o intuito de auxiliar desde o socorro da Polícia Militar, Bombeiros, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), até helicóptero águia, Polícia Militar Ambiental, e outros serviços.

Ao todo, 200 residências terão seus endereços cadastrados no GPS Caipira, no qual também receberão um número de identificação. O morador ou visitante que necessitar acionar uma ocorrência, poderá ligar ao número correspondente de cada serviço, identificar a propriedade e aguardar até que a solicitação seja atendida.

No mesmo dia do lançamento do GPS Caipira em Tarumã, também será realizado a entrega da plantadeira 9 linhas de plantio direto, destinada aos pequenos agricultores do município que não possuem condições necessárias para atender as demandas de soja, milho e outros plantios.

Os produtores interessados em usufruir do equipamento poderão entrar em contato com o Centro de Atendimento ao Público (CEAP) de Tarumã, pedindo um protocolo, ou por meio do próprio site da prefeitura, clicando em “serviços” e em seguida “protocolo”. Dessa maneira o seu pedido será encaminhado ao setor responsável para que a solicitação seja devidamente deliberada. O pequeno agricultor que desejar utilizar a plantadeira pagará somente uma taxa de valor incentivado, para o custeio de manutenção do equipamento.

 

Assessoria de Comunicação l Prefeitura Municipal de Tarumã

 



Compartilhe: