NOTÍCIA

06/02/2018

Menores que fizeram selfie na cadeia com deboches usaram celular coletivo

Trio de adolescentes de São Vicente passou por audiência de custódia que determinou a internação


Menores que fizeram selfie na cadeia com deboches usaram celular coletivo

A Polícia Civil em São Vicente, no litoral de São Paulo, indiciou a mulher de um preso por levar um celular para dentro da carceragem da Delegacia Sede da cidade. Três menores, apreendidos por roubo, compartilharam imagens dentro de uma cela utilizando o aparelho. A corregedoria da corporação também foi notificada para apurar o caso.

Duas fotos foram compartilhadas em uma rede social. A primeira é uma 'selfie', que mostra os três garotos dentro da cela com a legenda "Logo mais tá [sic] no Mundão #LiberdadeJa #PoucoPaEntende". A outra foi feita por uma terceira pessoa, do lado de fora. Em ambas, há comentários incitando as ações criminosas.

"Apreendemos o celular e identificamos o dono. Trata-se de um preso por pensão alimentícia. A esposa dele, de forma ilegal, entrou com o aparelho. Ela vai responder criminalmente", afirmou o delegado titular da cidade, Carlos Schneider. O detento também será indiciado por estar com o celular.

Schneider explicou que o aparelho era compartilhado entre os detidos, tanto adolescentes como os maiores de idade, que estavam na carceragem. As imagens, segundo ele, foram compartilhadas por terceiros na rede social e os perfis, que incitam ações criminosas, serão analisados pelos investigadores.

O delegado informou a Corregedoria da Polícia Civil sobre o ocorrido e uma apuração paralela deverá ser aberta. Na tarde de segunda-feira (5), segundo o delegado, os três menores foram submetidos a audiência de custódia no Fórum da cidade e a Justiça determinou pela internação deles na Fundação Casa.

O caso

A primeira foto, postada às 18h50 de domingo (4), é uma 'selfie' de três garotos dentro da cela. A postagem rendeu várias curtidas e comentários elogiando os meninos e torcendo pelo retorno às ruas. A polícia investiga os comentários, já que, em alguns casos, menores aparecem utilizando armas em fotos nos perfis.

A segunda foto foi tirada por uma outra pessoa, do lado de fora da cela, e publicada à 0h06 de segunda-feira (5). O usuário colocou a legenda "PJL (Paz, Justiça e Liberdade) pra vcs [sic] Logo mais ela Canta". Novamente, os comentários da postagem oferecem apoio aos menores e torcem para que sejam liberados.

Em uma das postagens obtidas pelo G1, um dos jovens reclama que não poderá participar de uma festa ao lado dos amigos. O evento, segundo apurado, ocorreria durante o fim de semana em uma comunidade. "Hoje tem festinha na comunidade. Não posso colar. Tô privado da liberdade. Logo mais tá com nóis [sic]", disse.

 

G1

Compartilhe: