NOTÍCIA

24/01/2019

Prefeitura de Tarumã faz campanha de captura de escorpiões e limpeza em cemitério

Ao longo dessas semanas, mais de 150 já foram capturados.


Prefeitura de Tarumã faz campanha de captura de escorpiões e limpeza em cemitério

A prefeitura de Tarumã, em uma ação conjunta da secretaria da Saúde com a secretaria de Agricultura, Meio Ambiente, Obras e Serviços Urbanos, além das equipes da Vigilância Sanitária e Epidemiológica, está fazendo uma campanha de captura noturna de escorpiões, além de limpezas e manutenções no cemitério de Tarumã, a fim de minimizar a quantidade de insetos peçonhentos e já prevenir a proliferação do mosquito da dengue.

As equipes estão trabalhando durante todo o mês de janeiro, já que ela faz parte da estação mais prevalente de escorpiões, o verão, por ser quente e úmido. Os funcionários da prefeitura têm feito capturas noturnas, usando luz infravermelha para encontrar os animais. Ao longo dessas semanas, mais de 150 insetos já foram capturados.

Além da captura, a prefeitura também direcionou as equipes para fazer um trabalho de limpeza e manutenção em todo o cemitério, calafetando túmulos com cimento, tampando buracos, selando frestas e passando resina nos jazigos de mármore. Com isso, é reduzida a quantidade de insetos que emergem da terra para a superfície do cemitério, como baratas, que são alimento dos escorpiões.

No combate à dengue, o trabalho consiste em recolher lixo, principalmente como o papel celofane de arranjos de flores, retirar a bandeja dos vasos, recolher garrafas pet e latinhas, a fim de eliminar os criadores do mosquito aedes aegypti, transmissor do vírus da dengue. A prefeitura de Tarumã está antecipando-se a uma possível epidemia de dengue, conforme alerta da secretaria estadual de Saúde.

A secretária de Saúde do município, Elvira Gozze, disse que, apesar da cidade não ter nenhum caso confirmado de dengue, os esforços na prevenção não podem parar. “Nosso papel, enquanto poder público, é cuidar das áreas públicas e também orientar a população a fazer sua parte, eliminando o foco do mosquito em casa, visto que o estado emitiu um alerta de uma possível epidemia de dengue tipo 2 em nossa região, que é ainda mais grave do que o vírus que infectou as pessoas nos últimos anos”, falou Elvira.

 

Sobre os escorpiões

Na natureza existem mais de mil espécies de escorpiões e os tipos mais comuns na região são os marrons e os amarelos, sendo este último, considerado mais venenoso. Em caso de acidente, as pessoas devem procurar, imediatamente, um atendimento médico. Antes disso, porém, o procedimento indicado é lavar bem o local com água e sabão e buscar o mais rápido possível o atendimento.

Os escorpiões podem ser encontrados em ambientes habitados pelo homem, principalmente próximos a córregos, cemitérios, construções, rede de esgotos, galerias de águas pluviais. Eles se escondem próximos às residências, entulhos, embaixo de pedras, mato, lixo, tijolos, telhas etc. Dentro das casas, a atenção, em especial, deve ser na saída de esgoto, ralos e caixa de gordura, pois os escorpiões procuram locais escuros e se alimentam principalmente de baratas e outros insetos. Por isso, a importância de se combater o aparecimento desses insetos, que se tornam atrativos.

 

Assessoria de Comunicação Prefeitura Municipal de Tarumã



Compartilhe: