Abordagem Notícias
Unifio
POLÍTICA • 30/01/2024

Telma assume a presidência do PL em Assis e por enquanto descarta ser candidata à prefeitura

Sobre apoios, enfatiza que o momento é de análise criteriosa pelo partido.

Telma assume a presidência do PL em Assis e por enquanto descarta ser candidata à prefeitura

Na sede do Partido Liberal (PL) em São Paulo, na segunda-feira, 29, a professora doutora, e enfermeira, Telma Gonçalves Carneiro Spera de Andrade, diretora do Hospital Regional de Assis e ex-provedora da Santa Casa local, foi oficialmente filiada à legenda, e mais do que isso, assumiu a presidência do diretório do partido em Assis-SP.

O evento contou com a presença de destacadas lideranças políticas, incluindo o presidente nacional do PL, Valdemar da Costa Neto; o presidente da Alesp, deputado estadual André do Prado; o vice-presidente nacional do PL, deputado federal, Capitão Augusto; e a vice-presidente estadual do PL Mulher, deputada estadual, Dani Alonso.

O PL, que tem se consolidado como uma força política expressiva em nível nacional, reafirmou seu compromisso em fortalecer os valores e princípios da direita em Assis. A presença de lideranças locais, como Telma, que tem se destacado muito como gestora na área da Saúde, demonstra a capacidade do partido em atrair figuras cada vez mais comprometidas e influentes.

Em entrevista ao portal Abordagem, nesta manhã de terça-feira, Telma reiterou o compromisso em contribuir para um futuro melhor para Assis, liderando o Diretório Municipal do PL. Em suas palavras, "reconheço o apoio dos deputados, Capitão Augusto e Dani Alonso, durante meu tempo como provedora da Santa Casa de Assis. Aceitei me filiar ao Partido Liberal e liderar seu diretório em Assis, alinhada com os seus princípios. Durante seis anos na Santa Casa, trabalhei com sucesso na recuperação do hospital, com o apoio destes parlamentares. Minha decisão de me filiar ao PL reflete meu compromisso com a verdade e a honestidade, valores essenciais na minha carreira como professora e enfermeira. Sou só mais uma cidadã assisense querendo fazer alguma coisa a mais, sem ficar só assistindo." 

Diferentemente do que era especulado, a diretora do Hospital Regional não será candidata à prefeitura de Assis. Sua atuação se concentrará na liderança do diretório local, conforme destaca, "reforçando o compromisso com os valores e princípios do partido".

Questionada sobre o apoio a algum nome com candidatura pré-anunciada, ou mesmo sobre a possibilidade de ser uma das candidatas ao cargo, Telma enfatiza que o momento é de análise criteriosa pelo partido. 

"Neste momento eu continuo focada e firme com as minhas atribuições nos hospitais. Se no futuro o Partido avaliar a situação e entender que o meu nome é relevante, poderei até ser convencida disso", revela. 

Mas por enquanto, segundo conta a nova presidente do PL em Assis, o partido está avaliando todos: "Estamos buscando lideranças que possam fazer diferença em nossa cidade. O partido se baseia em dados, ou seja, eles não definiram absolutamente nada nesse momento", finaliza. 

 

Fonte: redação - foto cedida pelo PL




lena pilates
Pharmacia Antiga