NOTÍCIA

24/07/2021

Brasil pode ter frio mais intenso do século na próxima semana

A última vez que um fenômeno dessa dimensão aconteceu, foi em julho de 2000 e 2007.


Brasil pode ter frio mais intenso do século na próxima semana

A próxima onda de frio pode ser uma das mais intensas do século no Brasil e vai ser causada por uma massa de ar frio de origem polar. Os extremos da região sul vão ser os mais afetados, a sensação térmica pode chegar até -25°C, com possibilidade de neve, segundo a MetSul Meteorologia.

Os estudos divulgados pela MetSul são preliminares e devem ser confirmados até a segunda-feira, 26. A onda de frio tem previsão para terça e quarta-feira da próxima semana até o fim de semana.

Se confirmado a massa de ar, cidades de São Paulo e Mato Grosso do Sul podem ter geadas com sensação térmica de 0°C, no final da próxima semana.

A última vez que um fenômeno dessa dimensão aconteceu, foi em julho de 2000 e 2007. As temperaturas previstas são perigosas, podem causar até congelamento da pele e do tecido inferior (frostbite) de partes expostas do corpo como dedos.

O ar polar deve ingressar no Brasil entre a terça e a quarta-feira, trazendo queda enorme da temperatura que será extremamente baixa na segunda metade da próxima semana. Modelos têm indicado que a temperatura no nível de pressão de 850 hPa, equivalente a 1.500 metros de altitude, que é parâmetro usado em Meteorologia para identificar o quão quente ou fria é uma massa de ar, ficaria entre -5ºC e -6ºC no Sul do Brasil.

Para se ter ideia do que isso representa, somente ondas de muito frio intensas atingem valores tão baixos e que raramente são observados. As ondas de frio intensas de julho de 2000 e de julho de 2007, por exemplo, tiveram valores nestes patamares.

 

Fonte Metsul


Compartilhe: