NOTÍCIA

22/07/2021

Hospital e Maternidade de Assis contesta reclamação da família de paciente

Segunto o texto, na íntegra, as alegações feitas estão equivocadas.


Hospital e Maternidade de Assis contesta reclamação da família de paciente

Com mais de 58 anos o HMA se mantém à frente de suas atividades, sempre atuando com responsabilidade, comprometimento e muito respeito com seus pacientes. O Hospital e Maternidade de Assis – HMA, segue um plano de trabalho diário para entregar segurança e qualidade em todos os serviços prestados garantindo uma estrutura de referência a toda população da cidade de Assis e região o que não foi diferente com o paciente Roberto de Lima Silva que esteve internado por mais de 30 dias.

Baseado nos valores aplicados de conhecimento, ética, confiança, respeito e transparência esta trajetória é marcada por comprometimento e dedicação. Esta dedicação e respeito foi transferida na ocasião de abertura a exceção aos cuidados com o paciente, devido a sua dificuldade de comunicação por conta de sua patologia, permitir um acompanhante por tempo integral em leito de Unidade de Terapia Intensiva, mesmo sem dispor de uma UTI Humanizada em nossa região.

Sempre pensando no seu bem-estar e comodidade. Nos últimos 30 dias, momento em que o setor de saúde de todo o país esteve afetado pela pandemia da Covid-19, desafios diários foram e ainda estão sendo enfrentados para dar a assistência e suporte a todas as vítimas deste cenário, assim o Hospital e Maternidade de Assis, pede desculpas caso algum atraso tenha ocorrido em sua troca de água, porém é válido ressaltar que os esforços foram redobrados, profissionais foram contratados de imediato para manter o atendimento digno e devido como todos os pacientes recebem.

Estávamos vivendo os piores dias desta pandemia e mesmo assim nenhum atendimento foi negado. Diante de tanto sofrimento vivido neste período, novos leitos de UTI e clínico foram disponibilizados para não faltar nenhum atendimento. O investimento em corpo clínico e toda a equipe multidisciplinar permitiu atuar com segurança durante todo este período, garantindo seguir todo o tratamento conforme orientações e avaliação médica.

As alegações feitas estão equivocadas, nunca houve descaso, muito menos abandono ou atendimento degradante, pelo contrário, as melhores técnicas foram aplicadas, visto que nem escaras ocorreu no paciente.O HMA reitera que jamais aconteceu alguma das condutas relatadas pela família do Sr. Roberto de Lima Silva, sendo assim, medidas serão tomadas contra as alegações.

Hospital e Maternidade de Assis, a luta contínua pela vida.

 

Hospital e Maternidade de Assis


Compartilhe: